26.12.09

mais um parênteses, porque o cinema não pára

alô, alô, gurizada, vamos ouvir (ler) as coisas essenciais e fenomenais que Inácio está falando (escrevendo) sobre É Proibido Fumar?

*

e alguns críticos lá no UOL fizeram listas de melhores do ano.

deliciosa surpresa ver Moscou, Aquele Querido Mês de Agosto, A Festa da Menina Morta e Vocês, Os Vivos entre os filmes lembrados em algumas delas.

(a do Inácio, de novo, é uma das mais 'concordáveis'.)

mas lista é lista e a graça é cada um ter a sua, com barbaridades ou com coerências. mas pode saber que quem se preza (e quem geralmente respeitamos - alô, alô Sergio Rizzo e Cássio Starling Carlos!) colocou Entre os Muros da Escola, Horas de Verão, Bastardos Inglórios e Amantes na sua.

sobre esse último (que a gente sempre amou - é ou não é, Thereza?), pérolas que vale a pena reproduzir:

* "James Gray consegue o que muitos já tentaram sem sucesso: filmar o amor como um fenômeno meteorológico." (C.S. Carlos)

* "O coração é um caçador solitário, por James Gray." (S. Rizzo)

* "O amor faz o que quer." (I. Araújo)



PS:
como esse blog ainda não viu Ervas Daninhas, a nossa lista só será possível na segunda semana de janeiro...

2 comentários:

Vinicius disse...

Reivindico também uma citção a mim, quando o assunto é a adoração a AMANTES.

p disse...

Ervas Daninhas é o HORROR.